segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Negra com cabelo platinado, sim! Inspire-se e veja cuidados fundamentais antes de apostar no loiro claríssimo


Apesar de muita gente dizer que a pele negra e o cabelo loiro claro causam um contraste muito forte, isso é bobagem se o seu desejo é ser loira. Mulheres dessa cor podem platinar os fios, sim! Afinal, o que te impede? O look é estiloso, está em alta e mostra toda a personalidade e emponderamento que mora dentro de você. Antes da descoloração, só é preciso tomar cuidado com a saúde dos seus fios: será que eles estão preparados para passar por esse processo agressivo de despigmentação? Confira as dicas do Fique Diva!

Avaliação: o primeiro cuidado antes de platinar o cabelo

Se você não tem certeza se seu cabelo está forte o suficiente para ser descolorido, nós vamos te ensinar como identificar os possíveis problemas: o primeiro sinal de que ele está fragilizado é a perda da elasticidade, ocasionando o famoso efeito "chiclete". Se ao puxar o fio ele fica franzido e não volta ao normal com facilidade, é sinal de que a fibra capilar está emborrachada e enfraquecida. Dá uma olhada nesse passo a passo do teste:
1° passo: você precisará apenas retirar um fio de cabelo do topo da sua cabeça.
2° passo: segure-o nas duas pontas, como se estivesse enrolando um fio dental entre os dedos.
3° passo: tente puxá-lo levemente, antes que ele se quebre por conta da força.
Arrebentou com facilidade? Então agora vamos analisar cada situação: um cabelo que perdeu a elasticidade quebra fácil e geralmente aparenta estar sem vida e sem brilho, consequências de muitas colorações, alisamentos e exposição à radiação solar. Já as madeixas que estão enfraquecidas (sem força), podem ser avaliadas pela textura do fio: se ele estiver rígido, significa que está forte e pode aguentar uma química. Se fica ondulado após o teste de elasticidade, é sinal de que está superfraco.

Do que seu cabelo está precisando cada situação?

Se você mal puxa o fio e ele se quebra, sem força e elasticidade, seu cabelo precisa de hidratação. Se você já tem sua máscara capilar favorita, reforce o tratamento com um óleo de coco e aplique no comprimento do cabelo. Massageie por 10 minutos e depois enxágue bem. Agora, se você puxa o fio, ele até estica, mas não volta ao estado normal e, depois disso, se arrebenta, seu cabelo precisa de reconstrução. Para isso, você pode usar uma queratina líquida e pura por 10 minutos no comprimento dos fios e, em seguida, aplicar a máscara de hidratação, deixando agir por mais 5 minutos. A proteína vai reconstruir a fibra capilar aos poucos e reparar qualquer dano.

Depois do tratamento profundo, faça um teste de mecha antes de colorir

Agora que suas madeixas já estão saudáveis e protegidas, mãos à obra. O primeiro passo de toda coloração é fazer um teste de mecha e uma prova de toque. O primeiro é importante para sabermos se seus fios são resistentes à coloração da marca que você escolher, já o segundo é ideal para ter certeza que não vai rolar nenhuma reação alérgica.











Se você gostou das minhas dicas, continue acompanhando o blog da Mayumi Ohasi e me siga nas redes sociais: facebook e Instagran  ;) !
Proxima Anterior Inicio

0 comentários :

Postar um comentário