segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Menstruação cor borra de café: o que é? Médico explica




Já ouviu falar sobre o sangramento tipo borra de café? Esse é o termo que denomina o que é conhecido pelas mulheres como uma espécie de menstruação de cor mais escura, quase amarronzada. Esse fenômeno causa preocupação e gera dúvidas, que são agora esclarecidas pelo ginecologista e obstetra Dr. Rafael Botelho, médico do Hospital do Coração (HCor).

O que é?

Segundo o especialista, essa conhecida menstruação com sangue marrom não é necessariamente uma menstruação e o que faz mudar a cor do sangue é o tempo que ele permanece no interior da vagina. “O sangramento mais escuro é um sangramento de pouca intensidade. Diferente de quando a mulher está menstruada, que o volume de sangue é grande e sai continuamente, ele vem em pequena quantidade. Com isso, fica mais tempo na vagina e não se exterioriza tão rapidamente. Esse contato prolongado com o canal vaginal faz com que aconteça uma degradação natural que modifica a cor”, explica o Dr. Botelho.

Anticoncepcional

A causa mais comum para essa espécie de menstruação escura são os remédios anticoncepcionais de baixa dosagem hormonal. O que acontece é que os baixos níveis de hormônios das pílulas podem provocar o que é conhecido como escape, que é um sangramento que acontece antes do fim da cartela do anticoncepcional e pode adquirir essa tonalidade. De acordo com o médico, esse tipo de causa não oferece risco à mulher. “Nesses casos, a solução é corrigir a dosagem da pílula e o ciclo se normaliza”.



Sangramento não tem risco e pode não indicar nenhum problema mais grave

Pode ser gravidez?

Esse também pode ser um dos primeiros sinais de gravidez. É ocasionado quando o óvulo fecundado se fixa na parede do endométrio. “Quando ele chega lá, é como se fizesse um buraquinho para se fixar. É o que chamamos de nidação. Nesse momento, a paciente pode ter um sangramento desse tipo”.

Endometriose e outras causas

endometriose também é uma possível causa, já que ela provoca alterações no ciclo menstrual e, entre outras irregularidades, pode diminuir o fluxo. Também pode surgir em mulheres que tenham lesão ou mioma no colo do útero. Tomar pílula do dia seguinte também pode causar esse efeito colateral.

É perigoso?

O ginecologista pondera e afirma que essa menstruação marrom e pouca não merece tanta preocupação. “Não necessariamente significa que é uma coisa ruim. A mulher não precisa se desesperar. O mais indicado é procurar um médico quando esse quadro acontecer, para investigar o que pode estar causando a mudança de cor do sangue”, tranquiliza.



Fonte:Bolsa de mulher
Proxima Anterior Inicio

0 comentários :

Postar um comentário